Posts Tagged ‘Aventura Segura’

“ABETA”- E o Tribunal de Contas da União-5-

1 de Outubro de 2009

O relatório que pode ser acessado pelo link do “post-1” desta sequência é bastante extenso.Por isto destaco um ponto que não passou despercebido pelo TCU:
(…)
“O simples fato de os normativos do SEBRAE não exigirem a especificação da origem dos recursos oferecidos em contrapartida por um partícipe não é justificativa para que sejam aceitos, como tal, recursos oriundos de outro convênio firmado. Não há razoabilidade alguma em se admitir que um convenente ofereça como contrapartida os recursos recebidos por força de outro convênio no qual também seja partícipe, recursos esses que deveriam ser aplicados nos objetivos ali comprometidos.
Também não pode prosperar o argumento de que se tratam de contrapartida econômica os recursos oriundos de outro convênio. Além do desvio de finalidade, isso significa,Lupa (more…)

Anúncios

“ABETA”-E o Tribunal de Contas da União-4-

30 de Setembro de 2009

Costumo atacar as idéias e não as pessoas.Por isso omitirei alguns nomes nos e-mails que apresentarei e que foram trocados no início da lista empresariosturismoaventura@yahoogrupos.com.br, que foi da onde nasceu a ABETA. Como sempre, recomendo que todos os “posts” desde o início deste blog sejam lidos para o entendimento mais claro do que estou apresentando. Principalmente os que tratam da posição oficial do Confef e Conferências Nacionais do Esporte sobre a questão do “turismo de aventura” e dos “esportes de aventura” e também o da definição oficial de esportes de aventura. Depois desta leitura fica claro que a premissa que norteou toda a certificação em “turismo de aventura” é falsa. Porque “turismo de aventura” é a atividade econômica que cerca as atividades esportivas de aventura. É certo que as técnicas, formação e equipamentos são esportivos. Ao mesmo tempo, desde o início, ficou claro pelos posicionamentos do representante do Ministério do Turismo na época, que o que estava por vir estava muito bem programado e precisava acontecer rápido. Evitando assimvergonha-300x225 (more…)

“ABETA” – E o Tribunal de Contas da União-1-

28 de Setembro de 2009

Tem muita coisa em relação à política do Ministerio do Turismo para os esportes de aventura que não concordo. E não é só eu, para quem não sabe patrocínio ação judicial contra as normas “esportivas” criadas pela ABNT, para o “turismo de aventura”, em nome de quatro grandes entidades nacionais de administração esportiva do segmento esportivo de aventura. O assunto é muito extenso e para quem quiser se aprofundar, por favor leia os meus “post’s” desde o início e acompanhe os próximos, porque tratarei de muitas informações desconhecidas da maioria das pessoas do segmento. “Post’s” como o que eu tratei da definição de esportes de aventura, posição do “Confef” e os outros sobre esportes é de fundamental importância para entender o que estarei demonstrando neste Blog. Uma das informações desconhecidas da maioria das pessoas do segmento é a decisão do TCU sobre os convênios iniciais da ABETA. Para ter acesso ao relatório e decisão clique neste link
http://contas.tcu.gov.br/portaltextual/PesquisaFormulario
E em “Pesquisa livrecoloque: AC-0980-18/09-P
Você terá acesso a um extenso relatório(+- 22 laudas) que aponta muitas pontos que não podem passar despercebidos. Minha posição em relação a decisão do TCU colocarei em outros “Post’s”, porque é muita coisa para um só. Mas para quem quiser se adiantar leia o artigo 34 da Lei 10.934/04, ele é muito claro, qualquer um pode interpretá-lo sem dificuldade. Esta lei você encontra neste link:
http://www.leidireto.com.br/lei-10934.html
Aqui coleciono apenas alguns trechos do extenso relatório do TCU, que quem já lidou com convênios públicos saberá entender a sua profundidade:
“Tratam os autos de denúncia formulada ao Tribunal de Contas da União contra possíveis irregularidades no repasse de recursos do MTUR, mediante convênio, à Associação Brasileira das Empresas de Turismo de Aventura ABETA e ao Instituto de Hospitalidade – IH.

…Achado 1
(more…)

Mais uma Grande Distorção no Esporte Brasileiro.

21 de Setembro de 2009

Hoje no Brasil praticar montanhismo (e esportes de aventura em geral) se transformou em atividade turística.
Se você não leu seria interessante ler dois “post” inciais que estão logo abaixo. Um que fala da definição de esportes de aventura e radicais e outro sobre a posição do Confef e Conferências Nacionais do Esporte sobre os esportes de aventura e turismo de aventura.Esta não deixa margem à dúvida sobre a finalidade e notoriedade concludente de que atividades comercializadas no chamado turismo de aventura nada mais são do que atividades esportivas.the-distortion-of-the-muse-darwin-leon (more…)